terça-feira, 4 de janeiro de 2011

HERMES, MERCÚRIO E THOTH

Na verdade, o universo em si mesmo é Mental por natureza e que a mente é a chave para abrir os poderes do Cosmo, por isso é possível um instrumento mental e não físico criar uma alteração no mundo físico e corpóreo.

O Todo é a Realidade Substancial que está escondida em todas as manifestações de vida. O Todo é a Grande Avó -Avô que criou a si mesmo, que sempre existiu e que irá existir para sempre”
Uma das chaves para entender como o Universo funciona nos foi dada por Hermes-Toth, também conhecido como Hermes Trismegistus.

Algumas pessoas o consideram um deus, outras um grande iniciado, e algumas ainda acreditam que este nome represente uma das primeiras Ordens Iniciáticas do Antigo Egito e Grécia, cujos trabalhos de seus Iniciados perduram até os dias de hoje, através da ciência conhecida como Hermetismo. A seguir, falarei um pouco sobre quem foi esta figura e o que ele nos deixou de legado.

Toth (ou Thoth) é considerada uma das divindades mais importantes do Egito. Também chamado de “O escriba dos Deuses”, ele é geralmente descrito como tendo a cabeça de um Íbis.

Sua contraparte feminina era Maat, deusa da Justiça, e seu principal templo ficava em Khemennu (que os gregos chamavam de Hermopolis e os árabes de Eshmunen).
Mas Toth também tinha templos iniciáticos em Abydos, Hesert, Urit, Per-Ab, Rekhui, Ta-ur, Sep, Hat, Pselket, Tamsis, Antcha-Mutet, Bah, Amen-heri-ab e Ta-kens. Nestes templos, seus discípulos aprendiam as bases do que chamamos de “Livro de Toth”, ou como é conhecido pelos profanos, o Tarot.
As 78 lâminas, também chamada “Espelho da Alma”, são capazes de reproduzir simbolicamente todos os fluxos de energia que permeiam uma situação (as pessoas acreditam que o Tarot serve para “prever o futuro” mas isto não é verdade. Seu uso principal é para autoconhecimento). Falarei mais sobre Tarot em posts futuros.
Ele era considerado o coração e a língua de Rá, assim como a vontade de Rá traduzida para a fala (o Verbo). Dentro do Panteão Egípcio, ele possuía diversas funções muito importantes (entre elas, ensinar a escrita, magia, ciência, astrologia e ajudar no julgamento dos mortos).
Toth também é responsável pelo governo dos Planetas e das estações. È chamado de “Senhor das palavras Sagradas” pois foi ele quem inventou os hieroglifos e os números. Por ter sido o primeiro magista, Toth possuía mais poder até mesmo do que Osíris ou Rá.
Em algumas representações, podemos vê-lo com a crescente lunar sobre sua cabeça e sua figura carregando uma palheta e cinzel. Toth possuía duas esposas, Seshat e Nehmauit. Seu festival principal acontecia no décimo nono dia do mês de Toth, alguns poucos dias após a lua cheia do começo do ano.

Toth é considerado deus da Magia, escrita, invenções, profecia, música, tarot, conhecimento, ciências, medidas, matemática, fala, oráculos, julgamento, desenhos, arquitetura, gramática, teologia, hinos, aprendizado, livros, registros Akashicos, paz e orações.

Hermes
Hermes também é tido como uma das mais importantes divindades gregas do Panteão Olímpico. Considerado o mais jovem dos deuses, ele é o protetor de todos os viajantes e ladrões, é o mensageiro dos deuses, responsável por levar a palavra dos deuses até os mortais (qualquer semelhança com Prometeu ou Lúcifer NÃO é mera coincidência); Hermes é o deus da eloqüência, ao lado de Apolo, é o Deus dos diplomatas e da diplomacia (que era chamada de Hermeneus pelos gregos) e é o deus dos mistérios e interpretações (da onde vem a palavra Hermenêutica). Além disto, era um dos únicos deuses que tinha permissão para descer ao Hades e partir quando desejasse. Todos os outros (incluindo Zeus) estavam sujeitos às leis de Hades.

Hermes tinha vários símbolos, mas os mais tradicionais eram as sandálias com asas, o caduceu (que curiosamente representa a Kundalini, duas serpentes enroscadas em um cajado) e a tartaruga (de cujo casco ele criou a primeira Lira).Como inventor de diversos tipos de corrida e também das lutas, Hermes era considerado o patrono dos atletas. 
Finalmente, era tido como o inventor do Fogo (em alguns textos anteriores a Prometeu) e considerado um deus pregador de peças, que adorava aprontar com seus irmãos (isto desde seu nascimento, quando a primeira coisa que fez quando aprendeu a andar foi roubar os bois de Apolo e esconde-los). Hermes era patrono dos alquimistas, magos e filósofos. 
Mercúrio
Para os romanos, Mercúrio surgiu da fusão do deus Turms (Etrusco) com as características de Hermes grego, em aproximadamente 400 AC. Mercúrio tornou-se assim o deus do comércio (em muitos países o símbolo do Caduceu é usado para indicar administração e não medicina), das estradas e das relações de diplomacia. 

Mercúrio não era tão popular entre os romanos como Hermes era entre os gregos, sendo considerado um deus menor dentro do Panteão romano.Mercúrio era patrono do comércio, transportes, sucesso, magia, viagens, apostas, atletas, eloqüência, mercadores e mensageiros.

Hermes Trismegistus

Hermes Trismegistus é a tradução em latim e significa “Hermes, o três vezes grande”. Trata-se do nome dado pelos neoplatônicos, místicos e alquimistas ao deus egípcio Toth ou Tehuti, identificado com o deus grego Hermes. Ambos eram os deuses da escrita e da magia nas respectivas culturas.
Toth simbolizava a lógica organizada do universo. Era relacionado aos ciclos lunares, cujas fases expressam a harmonia do universo. Referido nos escritos egípcios como “duas vezes grande”, era o deus do verbo e da sabedoria, sendo naturalmente identificado com Hermes. 
Na atmosfera sincrética do Império Romano, deu-se ao deus grego Hermes o epíteto do deus egípcio Toth.Como “escriba e mensageiro dos deuses”, no Egito Helenístico, Hermes era tido como o autor de um conjunto de textos sagrados, ditos “herméticos”, contendo ensinamentos sobre artes, ciências e religião e filosofia - o Corpus Hermeticum - cujo propósito seria a deificação da humanidade através do conhecimento de Deus. 
É pouco provável que todos esses livros tenham sido escritos por uma única pessoa, mas representam o saber acumulada pelos egípcios ao longo do tempo, atribuído ao grande deus da sabedoria.Segundo Clemente de Alexandria, eram 42 livros subdivididos em seis conjuntos. 
O primeiro tratava da educação dos sacerdotes; o segundo, dos rituais do templo; o terceiro, de geologia, geografia, botânica e agricultura; o quarto, de astronomia e astrologia, matemática e arquitetura; o quinto continha os hinos em louvor aos deuses e um guia de ação política para os reis; o sexto era um texto médico.
Também é creditado a Hermes Trismegistus, “O Livro dos Mortos” ou “O Livro da Saída da Luz” e o mais famoso texto alquímico - a “Tábua de Esmeralda”.

Magia Enochiana na Golden Dawn


A Magia Enochiana da Golden Dawn está quase totalmente endereçada na Grande Mesa das Quatro Torres de Vigia e nas 48 Chaves ou Invocações, mas Mathers era suficientemente perceptivo para relacionar à Mesa. Trata somente de anjos e espíritos cujos nomes podem ser extraídos das Torres de Vigia por meio de um conjunto específico de regras - não há menção aos espíritos dos Trinta Aethers ou 91 espíritos geográficos que regem as diversas regiões do mundo. Assim, a Magia Enochiana da Golden Dawn é somente uma parte do sistema de magia recebido por Dee e Kelley.
 
A seu crédito, deve-se dizer que Mathers foi capaz de acrescentar, de forma mais ou menos inteligente, muitos detalhes relativos às Torres de Vigia não declarados nitidamente nas conversas angélicas. Na Magia da Golden Dawn, as Torres de Vigia estão explicitamente conectadas as cores, sinais do zodíaco, direções, cartas de Tetragrammaton e elementos ocultos. Essas correspondências possuem imensa utilidade nos rituais práticos que empregam as Torres de Vigia. As Chaves foram relacionadas por Mathers (ou um de seus associados) a diferentes partes da Grande Mesa; e para os espíritos localizados naquelas partes, assim falando, uma Chave em particular em enochiano evoca-se um espírito em particular. 0 sistema de Magia Enochiana usado na Golden Dawn será abertamente abordado em nossos estudos.
 
Um dos jovens membros da Golden Dawn era Aleister Crowley* (1875-1947). Crowley é o mago mais famoso do século XX. Quando era criança, sua mãe (membro da seita fanática "Plymouth Brethren") referia-se a ele como a Besta. Sua jovem mente prendeu-se a essa etiqueta como uma revelação. Em sua autobiografia escreve: "Minha mãe acreditava que eu era na verdade o Anticristo do apocalipse...". "Nunca perdi de vista o fato de que era em um sentido ou outro a Besta 666".
 
A Besta e o Anticristo são confundidos, mas a confusão foi de sua mãe, não de Crowley, que após a recepção do Líber Al Vel Legis – O Livro da Lei, se considerou meramente como um  mensageiro do novo Aeon - O Aeon de Hórus
 
Crowley ansiosamente devorou a magia da Golden Dawn. Era fortemente atraído para a magia desde o seu lado mais obscuro ao mais profundo. Seu mentor na Golden Dawn, Allan Bennett, avisou-o contra essa linha de estudo, mas Crowley não deu atenção. Essa atração ligada a seus hábitos boêmios tomaram-no impopular entre os líderes conservadores da Ordem.
 
Eventualmente, Crowley e a Golden Dawn separaram-se, porém ele continuou a usar os ensinamentos da Golden Dawn pelo resto de sua vida. Mais que qualquer outro aspecto da Magia da Golden Dawn, ele estava fascinado com a linguagem enochiana e as Chaves para as Torres de Vigia. Crowley considerou-se como a própria reencarnação de Edward Kelley compartilhando a capacidade de observação do globo de cristal de Kelley através do seu  uso pessoal do Espelho Mágicko.
 
Enquanto viajava pela da Argélia, em 1909, Crowley invocou os Aethers Enochianos em ordem inversa, a partir do 282 para o primeiro, usando as 19 Chaves para todos eles. A Chave para todos os 30 Aethers é a mesma, exceto para o nome do Aether envolvido. Assim, as últimas 30 chaves são, na verdade, uma única Chave que é aplicada aos 30 Aethers. Previamente, enquanto visitava o México, em 1900, invocou o 13º e o 29º Aether; assim estava meramente assumindo a partir do ponto que tinha parado. Esse método de trabalho empregado por Crowley era similar, em alguns aspectos, ao de Dee e Kelley. Ele encontraria um local particular onde poderia estar sozinho com seu discípulo, Victor Neuberg. Então, recitaria a 19ª Chave com o nome do Aether que procurava invocar inserindo no texto, no local apropriado.
 
Não sabemos se ele utilizou a versão inglesa ou enochiana da Chave. A versão enochiana seria a prática correta, mas em suas “Confissões” fala em "alterar dois nomes" para adequar a Chave a cada Aether. Na versão inglesa, duas palavras podem ser alteradas para cada Aether, mas na versão enochiana, somente uma palavra. Assim, talvez Crowley tenha invocado os Aethers usando a versão inglesa da 19ª Chave.
 
Após sentir a presença do anjo desse Aether, ele fitou um grande topázio colocado em uma cruz de madeira decorada. Descrevendo uma visão na pedra, Neuberg, sentado ao seu lado, escreveu suas palavras em um caderno, apenas como Dee havia registrado as palavras de Kelley há mais de três séculos passados. Esse registro formou o trabalho conhecido como Visão e a Voz.
 
Crowley declarou em sua autobiografia ter feito um Aethyr a cada dia. Parece que ele não empregou as primeiras 18 Chaves enquanto evocava os Aethers. Entendia as 18 Chaves preliminares na forma que foram ensinadas pela Golden Dawn. Descrevendo-as, ele diz que as primeiras duas Chaves relacionavam-se com a quintessência ou espírito elementar, enquanto as próximas 16 relacionam-se aos quatro elementos em subdivisões de quatro. Esta é a base do ensinamento da Golden Dawn, um conceito meramente hermético.
 
Crowley demonstrou uma compreensão forte e intuitiva das Chaves e Torres de Vigia. Teve problemas para reconciliar as diversas interpretações dos Aethers - se eram esferas angélicas concêntricas que estavam além dos limites das quatro Torres de Vigia, ou anjos cujos nomes estão escritos nas Torres de Vigia, ou meramente nomes para as diversas regiões geográficas na superfície da Terra. Essa confusão é compreensível, pois em nenhum momento Dee escreveu algo para esclarecer a questão. Crowley escolheu considerar os Éteres, no primeiro e mais místico sentido. Descreveu as Torres de Vigia como "compondo um quadrante de magnitude infinita". Isso está acima do entendimento normal.
 
Crowley abriu os portais definitivamente. A magia enochiana foi entregue pelos anjos para atuar como um catalisador para a Magia Apocalíptica – ou seja – elevar o grau de elevação do ser humano preparando-o para o próximo estágio ou dimensão. Por favor, não entendam nada do que aqui é dito como o “fim dos tempos”, muito pelo contrário, como uma fórmula extremamente dinâmica de Assunção Espiritual, através do emprego desse sistema mágicko, ou para os incautos e despreparados magos negros e feiticeiros o fatídico fim num manicômio. Após deixar a Golden Dawn, Crowley criou seu próprio mito oculto. Tornou-se o “Magus” do crepúsculo do Aeon de Hórus, que começava em abril de 1904, com sua recepção inspirada do Líber Al Vel Legis, ditado por seu anjo da guarda, Aiwass.
 
0 anjo da guarda de Crowley atraiu-o para um papel similar àquele forçado a John Dee pelos anjos enochianos. Crowley era tanto o escritor sagrado como o profeta para o deus Ra-Hoor-Khuit (Hórus).
 
Sua instrução era registrar os dizeres do deus e divulgar sua mensagem pelo mundo, com o Livro da Lei:
 
Agora vós sabereis que o sacerdote & apóstolo escolhido do espaço infinito é o sacerdote-príncipe, a Besta; e em sua mulher, chamada a Mulher Escarlate, está todo o poder dado. Eles reunirão minhas crianças em seu cercado: eles levarão a glória das estrelas para os corações dos homens.” (Líber Al - I, 15)
 
0 Aeon de Hórus pode ser entendido, em sentido geral, como similar à idade astrológica de Aquário. Muitas culturas da Antigüidade dividem o tempo em uma série repetida de idades, cada idade com suas características únicas definidas. Por exemplo, no sistema da Qabalah, estamos atualmente vivendo na Era de Geburah, caracterizada pelo rigor e guerra. A próxima será a Era de Tiphareth, um tempo de harmonia e paz. No mito pessoal de Crowley, o crepúsculo do Aeon de Hórus substituiu o antigo Aeon de Osíris, o deus egípcio do sacrifício, da morte e ressurreição que a Igreja Romana buscou para relacionar ao mito de  Jesus Cristo.
 
Existem alguns paralelos entre o Livro da Lei inspirado pelos anjos de Crowley, e a Chave dos Trinta Aethers de Dee. No Livro da Lei está escrito: "Nós nada temos com o proscrito e com o incapaz: que eles morram em sua miséria. Pois eles não sentem. Compaixão é o vício dos reis: pisa sobre o desgraçado & o fraco: esta é a lei do forte: esta é a nossa lei e a alegria do mundo." (Líber Al II, 21)
 
Na Chave dos Trinta Éteres aparecem as palavras: “Governe aqueles que governam; subjugue tal como caem; crie com aquele que aumenta e destrói o desonesto.” Ambas as passagens se referem aos efeitos do Karma, da causa e do efeito do mundo natural. Em outro local no Livro da Lei está escrito: "Sim! não acrediteis em mudanças: vós sereis como vós sois, & não outro. Portanto, os reis da terra serão Reis para sempre: os escravos servirão. Ninguém há que será derrubado ou levantado: tudo é sempre como foi". (Líber Al II, 58)
 
0 Aeon de Hórus é de disputa e guerra, como o tempo do apocalipse é tempo de destruição do ego inferior do homem. Na Chave dos Trinta Aethers está escrito: "Deixe as criaturas razoáveis da Terra (ou homens) atormentarem-se e extirparem-se mutuamente; e deixe-os esquecer os nomes dos locais de habitação; deixe o trabalho do homem e sua pompa serem desfigurados."
 
Em enochiano, a palavra Babalon significa "perverso" e a palavra “babalond” significa "prostituta" - desse modo, a alteração na grafia da palavra, embora Crowley justificasse isso em bases numéricas.
 
Existe uma referência direta no Livro da Lei às Chaves Enochianas sugeridas em dois lugares:
 
"Há quatro portões para um palácio; o chão desse palácio é de prata e ouro; lápis lazuli & jaspe estão lá; e todos os aromas raros; jasmim & rosa, e os emblemas da morte. Que ele entre por partes ou de uma só vez nos quatro portões; que ele fique de pé sobre o chão do palácio."(Líber Al I, 51).  Isso pode ser interpretado como uma referência à Grande Mesa das Torres de Vigia, que possui quatro lados e tem quatro partes.
 
Em Líber Al III, 47 está escrito: "Este livro será traduzido para todas as línguas: mas sempre com o original na escrita da Besta; pois na forma ao acaso de suas letras e suas posições umas com as outras: nisto há mistérios que nenhuma Besta adivinhará. Que ele não procure tentar: mas virá um após ele, de onde Eu não digo, que descobrirá a Chave de tudo. Então, esta linha traçada é uma chave: então este círculo esquartejado em sua falha é uma chave também."
 
Assim percebemos claramente uma ligação entre o Liber Al e a Magia Enochiana, bem como às Chaves Enochianas.
 
Atualmente muitos grupos modernos que praticam a forma de ritual de magia sobrevinda da Golden Dawn (diretamente ou por meio de Crowley) usando extensivamente a magia enochiana.
 
Uma única observação particular deve ser feita a respeito da Society O.T.O. Brasil, como uma organização dedicada não só ao estabelecimento da Lei de Thélema bem como à filosofia e magia herméticas, nossos ensinamentos incluem a Grande Mesa das Torres de Vigia, as Chaves e os espíritos dos 30 Aethers.
Nas últimas décadas, a magia enochiana experimentou outro período de apogeu. De forma crescente os escritos de Dee estão encontrando seu caminho entre os livros populares de magia cerimonial mas sempre de forma fragmentada e incompleta.
 
O processo de aprendizado do Sistema Enochiano deve ser lento e meticuloso, pois trata-se das comunicações enochianas completas, com as diversas passagens em latim traduzidas para o português, de forma a ser utilizado pelo magista sério e pesquisador o material, que está completo de modo a apresentar uma visão geral da magia enochiana e permitir que esta seja usada para fins práticos.

O SIGNIFICADO E USO DOS 72 NOMES DE DEUS

1º VEHUIAH
Deus elevado e exaltado acima de todas as coisas.
Auxilia na realização de trabalhos difíceis, estimula o amor e concede sagacidade.
Na oposição: provoca violência e turbulência.
Planeta: Marte
Dias: 20/março - 01/junho - 13/agosto - 25/outubro - 06/janeiro
Hora: 00h às 00h20
Salmo: 3 – Versículo 5:
“Apenas elevei a voz para o Senhor, e ele me responde de sua montanha santa”.

2º JELIEL
Deus que socorre.Ajuda a combater injustiças, proporciona jovialidade, simpatia e restabelece a paz conjugal.
Na oposição: provoca vingança e rancor.
Planeta: Júpiter
Dias: 21/março - 02/junho - 14/agosto - 26/outubro - 07/janeiro
Hora: 00h20 às 00h40
Salmo: 21 – Versículo 20:
“Porém vós, Senhor, não vos afasteis de mim”; Oh, força minha, vem socorrer-me depressa”.

3º SITAEL
Deus, a esperança de todas as criaturas.Ajuda a combater as adversidades, protege contra os assaltos, o erro e a mentira. Favorece o apoio de pessoas influentes.
Na oposição: provoca a hipocrisia e a ingratidão.
Planeta: Sol
Dias: 22/março - 03/junho - 15/agosto - 27/outubro - 08/janeiro
Hora: 00h40 a 1h00
Salmo: 90 – Versículo 2:
“Dize ao Senhor: Sois meu refúgio, minha fortaleza, meu DEUS, confio em ti”.

4º ELEMIAH
Deus Oculto.Protege nas viagens e afasta as traições, os maus espíritos e os tormentos da alma.
Na oposição: provoca descobertas perigosas para a humanidade e atrasa os negócios.
Planeta: Mercúrio
Dias: 23/março - 04/junho - 16/agosto - 28/outubro - 09/janeiro
Hora: 1h00 a 1h20
Salmo: 06 - Versículo 4:
“Todo o meu ser estremece... Vós, porém, Senhor, até quando”?

5º MAHASIAH
Deus Salvador.Estimula o progresso científico, a filosofia, as artes em geral e o conhecimento das coisas ocultas. Ajuda a obter a harmonia nos relacionamentos.
Na oposição: Provoca ignorância e libertinagem.
Planeta: Vênus
Dias: 24/março - 05/junho - 17/agosto - 29/outubro - 10/janeiro
Hora: 1h20 a 1h40
Salmo 33 – Versículo 4:
“Pois a palavra do Senhor é reta e sua obra toda é verdade”.

6º LELAHEL
Deus Louvável.Ajuda nas curas e atrai o amor, a fama e a riqueza. Faz aflorar os talentos ocultos.
Na oposição: provoca ambição, orgulho e desonestidade.
Planeta: Sol
Dias: 25/março - 06/junho - 18/agosto - 30/outubro - 11/janeiro
Hora: 1h40 às 2h00
Salmo 9 - Versículo 11:
“Em ti confiam os que conhecem teu nome, pois não abandonas os que te procuram, o Senhor”.

7º ACHAIAH
Deus bom e paciente.Ajuda a manter a calma diante das adversidades e favorece na profissão.
Na oposição: provoca preguiça e negligência.
Planeta: Mercúrio
Dias: 26/março - 07/junho - 19/agosto - 31/outubro - 12/janeiro
Hora: 2h00 às 2h20
Salmo 102 – Versículo 8:
“O Senhor é compaixão e piedade, lento para a cólera e cheio de amor”.

8º CAHETHEL
Deus da abundância.Aumenta a fé e protege os ambientes. Favorece os campos e a agricultura.
Na oposição: provoca epidemias em animais e pragas na lavoura.
Planeta: Saturno
Dias: 27/março - 08/junho - 20/agosto - 01/novembro - 13/janeiro
Hora: 2h20 às 2h40
Salmo 94 – Versículo 6:
“Entrem e se prostrem e se inclinem, bendizendo ao Senhor que nos fez”.

9º HAZIEL
Deus da misericórdia.Estimula a reconciliação entre inimigos.
Facilita a obtenção de proteção e favores. Aumenta a fé e a espiritualidade.
Na oposição: provoca rancor e descrença.
Planeta: A Lua
Dias: 28/março - 09/junho - 21/agosto - 02/novembro - 14/janeiro
Hora: 2h40 às 3h00
Salmo 24 – Versículo 6:
“Lembrai-vos, oh Senhor, de vossas misericórdias e das vossas bondades, que são eternas”.

10º ALADIAH
Deus amabilíssimo.Concede vida longa e auxilia nas curas. Favorece as transações comerciais.
Na oposição: provoca doenças e maus negócios.
Planeta: Júpiter
Dias: 29/março - 10/junho - 22/agosto - 03/novembro - 15/janeiro
Hora: 3h00 às 3h20
Salmo 32 - Versículo 22:
“Seja-nos manifestada, Senhor, a vossa misericórdia como a esperamos de vós”.

11º LAOVIAH
Deus louvado e exaltado.Protege contra as adversidades. Confere talento e popularidade individuais. Concede sabedoria e celebridade.
Na oposição: Provoca ciúmes, calúnia e orgulho.
Planeta: Saturno
Dias: 30/março - 11/junho - 23/agosto - 04/novembro - 16/janeiro
Hora: 03h20 a 03h40
Salmo: 17 – Versículo 50:
“Por isso vos louvarei, Senhor, entre as nações. E celebrarei o vosso nome”.

12º HAHAIAH
Deus de refúgio.Protege contra adversidades. Favorece a compreensão dos mistérios profundos e a revelações através dos sonhos. Estimula a espiritualidade, a discrição e a moderação.
Na oposição: Provoca indiscrição e abuso de confiança.
Planeta: Netuno
Dias: 31/março - 12/junho - 24/agosto - 05/novembro - 17/janeiro
Hora:3h40 a 4h00
Salmo: 9 – Versículo 11:
“Aqueles que conheceram vosso nome confiarão em vós, porque, Senhor, jamais abandonais quem vos procura”.

13º IEZALEL
Deus Glorificado.Protege contra a infidelidade conjugal. Favorece a compreensão mútua, as amizades e o aprendizado.
Na oposição: Provoca mentira e traição.
Planeta: Saturno
Dias: 01/abril - 13/junho - 25/agosto - 06/novembro - 18/janeiro
Hora: 4h00 às 4h20
Salmo 97 – Versículo 6:
“Com a tuba e a trombeta, elevai aclamações na presença do Senhor Rei”.

14º MEBABEL
Deus Conservador.Protege contra as calúnias e a opressão. Favorece a justiça, a liberdade e a compreensão dos direitos alheios. Ajuda a prática da advocacia.
Na oposição: Provoca falso testemunho e calúnias.
Planeta: Júpiter
Dias: 02/abril - 14/junho - 26/agosto - 07/novembro - 19/janeiro
Hora: 4h20 às 4h40
Salmo 9 – Versículo 9:
“Ele mesmo julgará o universo com justiça, com equidade pronunciará a sentença sobre os povos”.

15º HARIEL
Deus Criador.Protege contra a preguiça e a indiferença. Favorece a disciplina, a vida religiosa, ajuda a ter bons sentimentos e renova as esperanças.
Na oposição: provoca fanatismo e raiva.
Planeta: Marte
Dias: 03/abril - 15/junho - 27/agosto - 08/novembro - 20/janeiro
Hora: 4h40 às 5h00
Salmo: 93 – Versículo 22:
“Mas o Senhor será certamente o meu refúgio, e meu Deus o rochedo em que me abrigo”.

16º HAKAMIAH
Deus constrói o Universo.Favorece as atividades militares, as instituições sociais e a lei.
Protege contra assaltos e ladrões.
Na oposição: Favorece as revoltas e as traições.
Planeta: Marte
Dias: 04/abril - 16/junho - 28/agosto - 09/novembro - 21/janeiro
Hora: 5h00 a 5h20
Salmo 87 – Versículo 2:
“Senhor, meu Deus, de dia clamo por vós, e de noite dirijo a vós o meu lamento”.

17º LAUVIAH
Deus admirável
Favorece a tranquilidade e a paz espiritual.Protege contra a depressão e a tristeza. Inspira os artistas e ajuda o canto e a voz.
Na oposição: causa descrença e tristeza.
Planeta: Sol
Dias: 05/abril - 17/junho - 29/agosto - 10/novembro - 22/janeiro
Hora: 5h20 às 5h40
Salmo 8 – Versículo 1:
“O mestre de canto, sobre a harpa, canta o salmo de Davi.
Oh Senhor, nosso Deus, como é glorioso vosso nome em toda a terra”.

18º CALIEL
Deus pronto a acolher.Favorece o triunfo da verdade e da inocência, desmascarando os inimigos.
Protege e socorre nas aflições e ajuda na integridade moral.
Na oposição: provoca escândalos e intrigas.
Planeta: Mercúrio
Dias: 06/abril - 18/junho - 30/agosto - 11/novembro - 23/janeiro
Hora: 5h40 às 6h00
Salmo 7 – Versículo 9:
“O Senhor é o juiz dos povos. Fazei-me justiça, Senhor, segundo o meu justo direito e segundo a minha integridade”.

19º LEUVIAH
Deus que acolhe os pecadores.Favorece a força interior, ajuda a superar as adversidades, restabelecendo a jovialidade a amabilidade e a modéstia. Proporciona boa memória.
Na oposição: provoca desobediência e desespero.
Planeta: Vênus
Dias: 07/abril - 19/junho - 31/agosto - 12/novembro - 24/janeiro
Hora: 6h00 às 6h20
Salmo 39 – Versículo 2:
“Esperei no Senhor com toda a confiança, Ele se inclinou para mim e ouviu meus brados”.

20º PAHALIAH
Deus redentor.Reforça a fé e a religiosidade. Favorece a força interior e a moral.
Na oposição: provoca libertinagem e falta de fé.
Planeta: a Lua
Dias: 08/abril - 20/junho - 01/setembro - 13/novembro - 25/janeiro
Hora: 06h20 às 06h40
Salmo: 119 – Versículo 2:
“Senhor, livrai minha alma dos lábios mentirosos e da língua pérfida”.

21º NELCHAEL
Deus só e único.Favorece os estudos ligados à matemática, à geografia e à astrologia.
Na oposição: favorece a ignorância e os preconceitos.
Planeta: Mercúrio
Dias: 09/abril - 21/junho - 02/setembro - 14/novembro - 26/janeiro
Hora: das 6h40 às 7hs
Salmo: 30, versículo 18:
“Senhor, que eu não me envergonhe porque vos invoquei; envergonhados sejam os ímpios e, mudos, sejam lançados na região dos mortos”.

22º YEIAIEL
Deus justo e perfeito.Protege contra os naufrágios e as tempestades, e acidentes em viagens.
Ajuda a ser bem sucedido no comércio e a conseguir a estabilidade financeira.
Na oposição: provoca o descontrole e a opressão.
Planeta Mercúrio
Dias: 10/abril - 22/junho - 03/setembro - 15/novembro - 27/janeiro
Hora: de 7hs às 7h20
Salmo 120, versículo 5:
“O Senhor é teu guarda, O Senhor é teu abrigo, está sempre ao teu lado”.

23º MELAHEL
Deus que nos livra dos males.Proporciona ousadia e grandiosidade. Favorece a descoberta e o cultivo de plantas medicinais. Protege contra os acidentes com armas.
Na oposição provoca epidemias e pragas em geral.
Planeta: Lua
Dias: 11/abril - 23/junho - 04/setembro - 16/novembro - 28/janeiro
Hora: de 7h20 às 7h40
Salmo: 120, versículo 8:
“O Senhor guardará os teus passos, agora e sempre”.

24º HAHUIAH
Deus bom por si mesmo. Proporciona a graça e a misericórdia divina. Conforta os exilados e prisioneiros e protege contra a violência. Favorece a comunicação.
Na oposição, provoca ações ilícitas.
Planeta: Júpiter
Dias: 12/abril - 24/junho - 05/setembro - 17/novembro - 29/janeiro
Hora: de 7h40 às 8hs00
Salmo 32 versículo 18:
“Eis os olhos do Senhor pousados sobre os que o temem, sobre os que esperam a sua bondade”.

25º NITH-HAIAH
Deus que dá sabedoria. Revela as verdades ocultas, facilita as descobertas e as investigações científicas. Promove sabedoria.
Na oposição provoca magia negra.
Planeta: Saturno
Dias: 13/abril - 25/junho - 06/setembro - 18/novembro - 30/janeiro
Hora: das 8h00 às 8h20
Salmo 9 versículo 4:
“Meus inimigos voltam atrás, tropeçam e somem da tua presença”.

26º HAAIAH
Deus oculto. Proporciona a paz, protege a política, a comunicação e a harmonia entre os povos.
Na oposição favorece as conspirações.
Planeta: Lua
Dias: 14/abril - 26/junho - 07/setembro - 19/novembro - 31/janeiro
Hora: das 8h20 às 8h40
Salmo 118, versículo 145:
“De todo o coração eu clamo: ouvi-me Senhor, e observarei as vossas leis”.

27º IERATHEL
Deus punidor dos maus. Garante a justiça e evita as provocações; favorece as atividades mentais, principalmente ligadas à ciência e às artes.
Na oposição provoca intolerância.
Planeta: Saturno
Dias: 15/abril - 27/junho - 08/setembro - 20/novembro - 01/fevereiro
Hora: das 8h40 às 9hs00
Salmo 139, versículo 1:
“Senhor, vós me perscrutais e me conheceis, de longe penetrais os meus pensamentos”.

28º SEHEIAH
Deus que cura os doentes. Estimula a prudência, protege contra as catástrofes naturais e proporciona longevidade e saúde.
Na oposição causa doenças e catástrofes.
Planeta: Júpiter
Dias: 16/abril - 28/junho - 09/setembro - 21/novembro - 02/fevereiro
Hora: das 9h00 às 9h20
Salmo 70, versículo 15:
“Minha boca proclamará vossa justiça, e vossos auxílios de todos os dias, sem poder enumerá-los todos”.

29º REYIEL
Deus pronto para socorrer. Acaba com a impiedade e a corrupção. Afasta os inimigos e faz prevalecer a verdade.
Na oposição, causa hipocrisia e fanatismo.
Planeta: Marte
Dias: 17/abril - 29/junho - 10/setembro - 22/novembro - 03/fevereiro
Hora: das 9h20 às 9h40
Salmo 53, versículo 4:
“Oh, meu Deus, escutai minha oração, Atendei às minhas palavras”.

30º OMAEL
Deus paciente. Combate a tristeza e a amargura, favorece a fertilidade e incentiva o estudo das ciências bioquímicas.
Na oposição, gera fenômenos monstruosos e depressão.
Planeta: Sol
Dias: 18/abril - 30/junho - 11/setembro - 23/novembro - 04/fevereiro
Hora: das 9h40 às 10h00
Salmo 70, versículo 6:
“Já no ventre materno eu me apoiava em ti, no seio materno tu me sustentavas. Eu sempre confiei em ti”.

31º LECABIEL
Deus que inspira. Ajuda na tomada de decisões, estimula a generosidade, ajuda nos estudos da astronomia, geometria e meteorologia. Influi sobre o clima.
Na oposição provoca avareza e desequilíbrio na natureza.
Planeta: Sol
Dias: 19/abril - 01/julho - 12/setembro - 24/novembro - 05/fevereiro
Hora: das 10h00 às 10h20
Salmo 70, versículo 16:
“Contarei as tuas proezas Senhor, e vou narrar a tua vitória, toda tua”.

32º VASARIAH
Deus piedoso. Detém o ataque dos inimigos e protege contra os caluniosos. Fortalece a memória e facilita a comunicação de massa.
Na oposição causa doenças do corpo e da alma.
Planeta:Mercúrio
Dias: 20/abril - 02/julho - 13/setembro - 25/novembro - 06/fevereiro
Hora: das 10h20 às 10h40
Salmo 32, versículo 4:
“Pois a palavra do Senhor é reta e sua obra toda é verdade”.

33º JEHUIAH
Deus conhecedor de todas as coisas. Facilita o aprendizado, revela traidores e situações escusas. Favorece a franqueza.
Planeta: Lua
Dias: 21/abril - 03/julho - 14/setembro - 26/novembro - 07/fevereiro
Hora: das 10h40 às 11hs
Salmo 33, versículo 1:
“Os ricos empobrecem e passam fome mas nada falta aos que buscam o Senhor”.

34º LEHAHIAH
Deus clemente. Protege todos aqueles que ocupam uma posição de liderança, estimula a confiança, a fé e a paciência. Proporciona clareza de expressão.
Na oposição causa discórdia, guerra e ruína.
Planeta: Saturno
Dias: 22/abril - 04/julho - 15/setembro - 27/novembro - 08/fevereiro
Hora: das 11h00 às 11h20
Salmo 130, versículo 5:
“Minha alma espera por vós, Senhor, espera a sua palavra”.

35º CHAVAKIAH
Deus que dá alegria. É o guardião da família; promove harmonia familiar.
Ajuda a resolver problemas de partilha e heranças.
Na oposição causa injustiças e desarmonias.
Planeta: Mercúrio
Dias: 23/abril - 05/julho - 16/setembro - 28/novembro - 09/fevereiro
Hora: das 11h20 às 11h40
Salmo 114, versículo 1:
“Eu amo o Senhor porque ele ouve minha voz suplicante”.

36º MENADEL
Deus adorável. Ajuda os exilados a voltarem para a sua pátria e facilita a localização de pessoas desaparecidas. Ajuda a encontrar objetos perdidos.
Na oposição causa fugas, perseguições e arrependimento.
Planeta: Marte
Dias: 24/abril - 06/julho - 17/setembro - 29/novembro - 10/fevereiro
Hora: das 11h40 às 12h00
Salmo: 25, versículo 8
“O Senhor é bondade e retidão. Ele aponta o caminho aos pecadores”.

37º ANIEL
Deus das virtudes. Inspira e revela os segredos da natureza. Concede sabedoria e talento nas artes e ciências. Ajuda a obter a vitória nos negócios e proporciona lucros financeiros.
Na oposição provoca perversidade e charlatanismo.
Planeta: a Lua
Dias: 25/abril - 07/julho - 18/setembro - 30/novembro - 11/fevereiro
Hora: das 12h00 às 12h20
Salmo 79, versículo 9:
“Socorre-nos, oh Deus, salvador nosso, pela honra do teu nome”!

38º HAAMIAH
Deus a esperança de todos os filhos da terra. Elimina as influências maléficas e protege contra as fraudes, as mentiras e a violência. Governa os cultos religiosos.
Na oposição causa falsidade e trapaças.
Planeta: Saturno
Dias: 26/abril - 08/julho - 19/setembro - 01/dezembro - 12/fevereiro
Hora: das 12h20 às 12h40
Salmo 90, versículo 9:
“Porque você fez do Senhor o seu refúgio e tomou o Altíssimo como defensor”.

39º REHAHEL
Deus que acolhe os pecadores. Protege a saúde. Facilita a compreensão entre pais e filhos promovendo o respeito mútuo.
Na oposição, provoca esterilidade e tirania.
Planeta: Saturno
Dias: 27/abril - 09/julho - 20/setembro - 02/dezembro - 13/fevereiro
Hora: das 12h40 às 13h00
Salmo 29, versículo 13:
“Por isso o meu ser canta para Ti e jamais se calará; Senhor, meu Deus, eu Te louvarei para sempre”.

40º IEIAZEL
Deus que dá alegria. Evita situações de opressão e liberta da negatividade.
Favorece a literatura e o trabalho dos escritores e jornalistas.
Na oposição, causa isolamento e melancolia.
Planeta: Mercúrio
Dias: 28/abril - 10/julho - 21/setembro - 03/dezembro - 14/fevereiro
Hora: das 13h00 às 13h20
Salmo 87, versículo 15:
“Senhor, porque me rejeitas e escondes de mim a Tua face”?

41º HAHAHEL
Deus em três pessoas. Protege as missões religiosas e as atividades filantrópicas.
Proporciona grandeza da alma e coragem para enfrentar castigos.
Na oposição, provoca descrença, ateísmo e negligência.
Planeta: Júpiter
Dias: 29/abril - 11/julho - 22/setembro - 04/dezembro - 15/fevereiro
Hora: das 13h20 às 13h40
Salmo 119, versículo 2:
“Felizes os que guardam Seus testemunhos, procurando-O de todo o coração”.

42º MIKAEL
A Casa de Deus. Ajuda a desvendar conspirações e combate a corrupção.
Favorece o exercício da política e da diplomacia.
Na oposição, causa maledicências e malevolência.
Planeta: Mercúrio
Dias: 30/abril - 12/julho - 23/setembro - 05/dezembro - 16/fevereiro
Hora: das 13h40 às 14h00
Salmo 120, versículo 7:
“Quando eu digo paz, eles dizem guerra. O Senhor guarda você de todo o mal, ele guarda a sua vida”.

43º VEUALIAH
Deus dominador. Protege os militares e nos livra dos inimigos. Conduz à paz e à prosperidade.
Favorece a vitória sobre os inimigos.
Na oposição, causa discórdia e rivalidades.
Planeta: Marte
Dias: 01/maio - 13/julho - 24/setembro - 06/dezembro - 17/fevereiro
Hora: das 14h00 às 14h20
Salmo 87, versículo 14:
“Mas eu grito para o Senhor: minha prece chega a ti pela manhã”.

44º IELEHIAH
Deus Eterno. Concede benefícios nos empreendimentos e processos judiciários.
Protege os magistrados e favorece as viagens, a honra e a fama.
Na oposição: provoca guerras e discórdia.
Planeta: Mercúrio
Dias: 02/maio - 14/julho - 25/setembro - 07/dezembro - 18/fevereiro
Hora: das 14h20 às 14h40
Salmo 118, versículo 108:
“Senhor, aceite os votos que pronuncio e ensina-me as Tuas normas”.

45º SEALIAH
Deus, motor de todas as coisas. Estimula os estudos e ajuda a superar humilhações.
Proporciona vida e saúde a tudo o que respira.
Na oposição, provoca bruscas mudanças climáticas.
Planeta: o Sol
Dias: 03/maio - 15/julho - 26/setembro - 08/dezembro - 19/fevereiro
Hora: das 14h00 às 15h00
Salmo 93, versículo 18:
“Quando parece que vou tropeçar, o Teu amor me sustenta, oh Senhor”.

46º ARIEL
Deus revelador
Revela em sonho o paradeiro de pessoas e objetos desaparecidos. Ajuda a descobrir segredos e mistérios. Estimula as atitudes discretas e as idéias inovadoras.
Na oposição, provoca perturbações espirituais.
Planeta: Saturno
Dias: 04/maio - 16/julho - 27/setembro - 09/dezembro - 20/fevereiro
Hora: das 15h00 às 15h20
Salmo 114, versículo 9:
"Na presença do Senhor continuarei meu caminho na terra dos vivos"

47º ASALIAH
Deus justo que indica a verdade
Ilumina e faz compreender as ciências ocultas e mostra o caminho da verdade espiritual.
Na oposição provoca imoralidade e escândalos.
Planeta: Vênus
Dias: 05/maio - 17/julho - 28/setembro - 10/dezembro - 21/fevereiro
Hora: das 15h20 às 15h40
Salmo 103, versículo 25:
“Eis o vasto mar, com braços imensos, onde se movem inumeráveis seres e animais, tanto pequeninos quanto grandes”.

48º MIHAEL
Deus Pai que socorre.
Favorece o amor e a paz conjugal. Proporciona lazer, alegrias e diversões íntimas.
Concede inspiração e pressentimentos sobre o que vai nos acontecer de bom.
Na oposição: provoca orgulho e luxúria.
Planeta: Vênus
Dias: 06/maio - 18/julho - 29/setembro - 11/dezembro - 22/fevereiro
Hora: das 15h40 às 16h00
Salmo 97, versículo 3:
“À frente dele avança um fogo devorando seus inimigos ao redor. Lembrou-se de seu amor e fidelidade em favor da casa de Israel”.

49º VEHUEL
Deus grande e elevado. Consola nos momentos de desespero.
Apazigua os conflitos e concede sensibilidade e generosidade.
Na oposição provoca egoísmo e ira.
Planeta: Mercúrio.
Dias: 07/maio - 19/julho - 30/setembro - 12/dezembro - 23/fevereiro
Hora: das 16h00 às 16h20
Salmo 144, versículo 3:
“Grande é o Senhor. Ele merece todo o louvor. É incalculável sua grandeza”.

50º DANIEL
Senhor das misericórdias
Ajuda nas negociações, aumenta a segurança e a determinação pessoais.
Na oposição, causa ócio e oportunismo.
Planeta: a Lua
Dias: 08/maio - 20/julho - 01/outubro - 13/dezembro - 24/fevereiro
Hora: das 16h20 às 16h40
Salmo 102, versículo 8:
“O Senhor é compaixão e piedade, lento para a cólera e cheio de amor para dar”.

51º HAHASIAH
Deus oculto
Eleva o espírito, conectando-o com a sabedoria divina. Traz revelações sobre magia, práticas terapêuticas e também proporciona prosperidade. Ajuda a conhecer as qualidades relacionadas com cada animal e planta.
Na oposição: provoca abuso de poder.
Planeta: a Lua
Dias: 09/maio - 21/julho - 02/outubro - 14/dezembro - 25/fevereiro
Hora: das 16h40 às 17h00
Salmo 103, versículo 32:
“Ele olha a terra e ela estremece, toca as montanhas e elas fumegam”.

52º IMAMIAH
Deus acima de todas as coisas
Fortalece diante de nossos adversários. Ajuda a obter a liberdade e a independência financeira. Protege no trabalho e estimula a paciência.
Na oposição provoca maldade e blasfêmia.
Planeta: Júpiter
Dias: 10/maio - 22/julho - 03/outubro - 15/dezembro - 26/fevereiro
Hora: das 17h00 às 17h20
Salmo 7 versículo 18:
“Eu agradeço ao Senhor por sua justiça e canto o nome do Altíssimo”.

53º NANAEL
Deus que humilha os orgulhosos
Favorece os trabalhos secretos, as ciências ocultas, a concentração e tudo o que exija atenção aos detalhes.
Na oposição provoca ignorância e desatenção.
Planeta: Saturno
Dias: 11/maio - 23/julho - 04/outubro - 16/dezembro - 27/fevereiro
Hora: das 17h20 às 17h40
Salmo 118, versículo 75:
“Senhor eu sei que as tuas normas são justas e que, por fidelidade, me fazes sofrer”.

54º NITHAEL
Rei dos Céus
Ajuda a conservar a reputação e a conquistar o reconhecimento público. Preserva a boa saúde e protege os bons governantes.
Na oposição provoca desordens públicas e maledicências.
Planeta: Júpiter
Dias: 12/maio - 24/julho - 05/outubro - 17/dezembro - 28/29/fevereiro
Hora: das 17h40 às 18hs00
Salmo 102, versículo 19:
“O Senhor estabeleceu no céu o seu trono e seu domínio se estende por todo o Universo”.

55º MEBAHIAH
Deus Eterno
Estimula a fertilidade, desenvolve a compreensão, atrai energias benéficas e favorece a religiosidade.
Na oposição atrai todos os vícios.
Planeta: Júpiter
Dias: 13/maio - 25/julho - 06/outubro - 18/dezembro - 1º/março
Hora: das 18h00 às 18h20
Salmo 101, versículo 13:
“Tu, porém, oh Senhor, permaneces para sempre e a Tua lembrança passa de geração em geração”.

56º POIEL
Deus que sustenta o Universo. Concede bom humor e alegria, facilita a tomada de decisões e a obtenção de lucros financeiros justos.
Na oposição: provoca ambição desmesurada, esquizofrenia e paranóia.
Planeta: o Sol
Dias: 14/maio - 26/julho - 07/outubro - 19/dezembro - 02/março
Hora: das 18h20 às 18h40
Salmo 144, versículo 15:
“Em Ti esperam os olhos de todos e no tempo certo Tu lhes dás o alimento”.

57º NEMAMIAH
Deus Louvável
Melhora a relação entre chefes e subalternos. Proporciona vigor físico, coragem e prosperidade.
Na oposição causa traições e preguiça.
Planeta: Marte
Dias: 15/maio - 27/julho - 08/outubro - 20/dezembro - 03/março
Hora: das 18h40 às 19h00
Salmo 113, versículo 18:
“Nós, os vivos, nos bendizemos ao Senhor, desde agora e para sempre”.

58º IEIALEL
Deus que acolhe as gerações
Estimula a poesia, a musica e as artes. Combate a tristeza, proporciona energia física e cura os males da visão.
Na oposição: favorece os acidentes e homicídios.
Planeta: Marte
Dias: 16/maio - 28/julho - 09/outubro - 21/dezembro - 04/março
Hora: das 19h00 às 19h20
Salmo 6 versículo 3:
“Piedade, Senhor, que eu desfaleço. Senhor cura-me, pois meus ossos tremem”.

59º HARAHEL
Deus da Sabedoria
Torna as crianças obedientes e disciplinadas. Favorece as transações de câmbio e permite obter lucros com o comércio de livros. Combate a esterilidade.
Na oposição provoca ruína e falência.
Planeta: o Sol
Dias: 17/maio - 29 julho - 10/outubro - 22/dezembro - 05/março
Hora: das 19h20 às 19h40
Salmo 112, versículo 3:
“Na sua casa há abundância e riqueza. Sua justiça permanece para sempre”.

60º MITZAREL
Deus que consola os oprimidos. Afasta as aflições do espírito, livra os perseguidos e ajuda a conservar a proteção de pessoas influentes e poderosas.
Na oposição causa rebeldia e perseguição.
Planeta: a Lua
Dias: 18/maio - 30/julho - 11/outubro - 23/dezembro - 06/março
Hora: das 19h40 às 20h00
Salmo 144, versículo 18:
“Ele está perto de todos aqueles que o invocam, de todos os que o invocam sinceramente”.

61º UMABEL
Deus acima de Tudo
Dá intuição para perceber melhor as intenções e sentimentos alheios; favorece as amizades, protege nas viagens e nos prazeres diversos. Ajuda também a desvendar os mistérios do espaço celeste.
Na oposição, causa vícios e destruições.
Planeta: Vênus
Dias: 19/maio - 31/julho - 12/outubro - 24/dezembro - 07/março
Hora: das 20h00 às 20h20
Salmo 112, versículo 2:
“Sua descendência será poderosa na Terra, a descendência dos retos será abençoada”.
62º IAHHEL
Ser Supremo. Proporciona tranqüilidade e sabedoria. Protege todos aqueles que se dedicam à espiritualidade e à filosofia. Na oposição provoca desunião.
Planeta: Saturno
Dias: 20/maio - 01/agosto - 13/outubro - 25/dezembro - 08/março
Hora: das 20h20 às 20h40
Salmo 118, versículo 159:
“Vê como eu amo Teus preceitos, Senhor, e faz-me reviver conforme o Teu amor”.

63º ANAUEL
Deus infinitamente bom
Favorece a aceitação de idéias e projetos novos. Proporciona otimismo e sorte nos negócios. Afasta o risco de acidentes automobilísticos.
Na oposição provoca desequilíbrio mental.
Planeta: Marte
Dias: 21/maio - 02/agosto - 14/outubro - 26/dezembro - 09/março
Hora: das 20h40 às 21h00
Salmo 02, versículo 11:
“Servi ao Senhor com respeito e exultai em sua presença; prestai-lhe homenagem com ardor”.

64º MEHIEL
Deus vivificador
Promove a fraternidade universal, afasta as adversidades e aumenta a capacidade de expressão, facilitando a oratória.
Na oposição, provoca falsidades e intrigas.
Planeta: Mercúrio
Dias: 22/maio - 03/agosto - 15/outubro - 27/dezembro - 10/março
Hora: das 21h00 às 21h20
Salmo 32 versículo 18:
“O Senhor cuida daqueles que o temem, daqueles que esperam por seu amor”.

65º DAMABIAH
Deus, fonte de conhecimento
Proporciona sucesso em todos os empreendimentos e protege os marinheiros e as atividades portuárias, ligadas ao mar. Confere magnetismo e protege do mal.
Na oposição, provoca tempestades e naufrágios.
Planeta: a Lua
Dias: 23/maio - 04/agosto - 16/outubro - 28/dezembro - 11/março
Hora: das 21h20 às 21h40
Salmo 89, versículo 15:
“Justiça e direito sustentam o Teu trono. Amor e fidelidade precedem a Tua face. Alegra-nos pelos dias em que nos castigastes e pelos anos em que sofremos desgraças”.

66º MANAKEL
Deus que secunda e mantém tudo sobre o mundo
Controla e acalma as pessoas nervosas e favorece o tratamento da epilepsia e dos males relativos ao sono. Fortalece a memória e rege os sonhos.
Na oposição, causa danos à saúde, do corpo e da alma.
Planeta: Netuno
Dias: 24/maio - 05/agosto - 17/outubro - 29/dezembro - 12/março
Hora: das 21h40 às 22h00
Salmo 37, versículo 22:
“Os que ele abençoar possuirão a Terra, os que ele amaldiçoar serão excluídos. Senhor, não me abandones”!

67º EIAEL
Deus, delícia das crianças Revela verdades e socorre em momentos de angústia e necessidade.
Ajuda nos estudos das ciências ocultas.
Na oposição causa preconceitos.
Planeta: Saturno
Dias: 25/maio - 06/agosto - 18/outubro - 30/dezembro - 13/março
Hora: das 22h00 às 22h20
Salmo 36, versículo 4:
“As palavras de sua boca são maldade e mentira, ele renunciou ao bom senso de fazer o bem. Coloquem no Senhor o seu prazer e ele dará o que o seu coração deseja”.

68º HABUHIAH
Deus de bondade
É associado ao campo e à fecundidade da terra.
Protege a agricultura e os trabalhadores do campo.
Na oposição provoca esterilidade e pragas de insetos.
Planeta: A Lua
Dias: 26/maio - 07/agosto - 19/outubro - 31/dezembro - 14/março
Hora: das 22h20 às 22h40
Salmo 105, versículo 1:
“Agradeçam ao Senhor porque ele é bom, porque o seu amor é para sempre. Celebrem o Senhor e invoquem o seu nome, anunciem entre os povos as suas façanhas”!

69º ROHEL
Deus que tudo vê
Conserva as tradições dos povos antigos. Denuncia os traidores. Ajuda a encontrar objetos e documentos perdidos. Ajuda na inovação e na busca de novos caminhos.
Na oposição, causa confusão e prejuízos morais.
Planeta: Júpiter
Dias: 27/maio - 08/agosto - 20/outubro - 01/janeiro - 15/março
Hora: das 22h40 às 23h00
Salmo 105, versículo 1:
"Quem não empresta dinheiro com juros, nem aceita suborno contra inocentes, quem age assim, jamais será abalado. Senhor, minha parte na herança e minha taça, meu destino, estão em tuas mãos”.

70º YABAMIAH
Verbo que cria todas as coisas
Dá forças a quem deseja superar todos os aspectos negativos.
Protege das doenças, cirurgias, quedas e incêndios.
Protege a saúde e confere harmonia no lar e no trabalho.
Na oposição provoca desesperança e desarmonia.
Planeta: o Sol
Dias: 28/maio - 09/agosto - 21/outubro - 02/janeiro - 16/março
Hora: das 23h00 às 23h20
Salmo 1, versículo 3:
“No princípio Deus criou o Céu e a Terra. Ele é como a árvore plantada junto da água corrente: dá fruto no tempo devido e suas folhas nunca murcham. Tudo o que ele faz é bem sucedido”.

71º HAIAEL
Deus, Senhor do Universo.
Confere talento para trabalhar os metais e protege contra as armas.
Liberta dos opressores e apazigua as discórdias.
Na oposição causa discórdias, lutas e demandas.
Planeta: Marte
Dias: 29/maio - 10/agosto - 22/outubro - 03/janeiro - 17/março
Hora: das 23h20 às 23h40
Salmo 108, versículo 29:
“Cubram-se de infâmia os que me acusam, e a vergonha envolva-os como um manto”.

72º MUMIAH
Ômega, o fim de Tudo
Concede o sucesso, auxilia nos tratamentos médicos e cirúrgicos e favorece as ocupações misteriosas e sigilosas. Confere humildade e carinho.
Na oposição, provoca desespero e suicídio.
Planeta: Netuno
Dias: 30/maio - 11/agosto - 23/outubro - 04/janeiro - 18/março
Hora: das 23h40 às 24h00
Salmo 114, versículo 7:
“A terra estremece diante do Senhor, ante a presença de Deus. Volte ao repouso, ó minha vida, porque o Senhor foi bondoso com você”.