segunda-feira, 26 de setembro de 2011

O Magista

[TRADUZIDO DA VERSÃO DE ELIPHAS LEVI DO FAMOSO HINO]

Ó Senhor, livra-me do medo sombrio e da melancolia do inferno!
 
Liberta tu o meu espírito das larvæ do túmulo!
 
Eu os perseguirei em suas horrendas moradas sem medo:
 
Sobre eles vou impor a minha vontade, a lei da luz.

Eu convido a noite a conceber o hemisfério brilhante.
 
Levanta-te, ó sol, levanta-te! Ó lua, brilhe branca e clara!
 
Eu os perseguirei em suas horrendas moradas sem medo:
 
Sobre eles vou impor a minha vontade, a lei da luz.

Suas faces e suas formas são terríveis e estranhas.
 
Esses demônios pelo meu poder em anjos eu transformarei.
 
A esses inomináveis horrores eu me dirijo sem medo:
 
Sobre eles vou impor a minha vontade, a lei da luz.

Estes são pálidos fantasmas de minha atônita visão,
 
Ainda que ninguém exceto eu sua beleza amaldiçoada possa renovar;
 
Pois no abismo do inferno eu mergulho sem medo:
 
Sobre eles vou impor a minha vontade, a lei da luz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário